sexta-feira, 4 de julho de 2008

Sorbet de morangos do Quebec, ou cozinhando para uma adolescente

Minha sobrinha de quinze anos está passando uma temporada conosco e, pela primeira vez na minha curtíssima carreira de foodie, estou tendo a obrigação de cozinhar refeições diárias para uma pessoa. Logo logo eu descobri que minhas saladinhas e gororobas de um prato só não eram suficientes para alimentar um metabolismo em fase de crescimento, e tive que rebolar para me adaptar. Acho que nos últimos dias coloquei todo o meu repertório acumulado em ano e pouco de blog em prática, está sendo uma experiência e tanto!

Ao mesmo tempo, tenho tentado mostrar a importância de se comer alimentos frescos, principalmente frutas e verduras de época e locais, tenho tentado explicar o pouco que sei sobre de onde vem a carne que comemos e essas coisas todas. Felizmente minha audiência tem sido curiosa e atenciosa, provando tudo que o coloquei em seu caminho, perguntando e até me ajudando a preparar alguns pratos. A cesta orgânica tem ajudado muito nesse sentido, apresentando vários legumes que nem eu conhecia.

No entanto, o que fez mais sucesso (e eu já imaginava) foi a máquina de sorvete. Marília ficou impressionada com a facilidade com que se consegue obter sorvetes maravilhosos a partir de ingredientes simples. Eu, claro, fico contente e orgulhosa de ter sido a pessoa a mostrá-la uma fava de baunilha de verdade, e explicar como se transforma aquilo em sorvete. Semana passada compramos belíssimos morangos do Quebec e, enquanto eu explicava que os morangos daqui eram mais saborosos porque não haviam sido colhidos verdes e transportados meio país (os morangos que comemos em Salvador vêm de outros estados), ela provava e lambia os dedos satisfeita.

Transformamos os morangos num sorbet super simples e delicioso. Ela me ajudou a cortar os morangos e ficou registrando o processo do início ao fim. No final, eu lembrei de quando ela era ainda bebê e só tomava sorvete de morango porque era cor-de-rosa e ela estava numa fase em que tudo, tu-do, tinha que ser cor-de-rosa. Ah, como o tempo voa...




Sorbet de morangos do Quebec
(receita do livro The Perfect Scoop de David Lebovitz)

- uma libra (aprox. 450g) de morangos maduros
- 3/4 de xícara de açúcar
- uma colher de chá de rum
- suco de meio limão (do amarelo)
- uma pitada de sal

Lave e corte os morangos em pedaços. Coloque-os numa vasilha grande com o açúcar e deixe-os macerar por uma hora, mexendo de vez em quando. Quando estiver com bastante líquido, processe tudo no liquidificador com o rum, o sal e o suco de limão. Passe por uma peneira para retirar as sementes e coloque na geladeira para esfriar bem, de preferência de um dia para outro. Depois coloque na sorveteira seguindo as instruções do fabricante.

5 comentários:

Miss Slim disse...

Simplesmente Maravilhoso.

Bjo

Fabrícia disse...

Lud eses morangos do Quebec estao deliciosos. Ontem recebi 3 caixas na cesta....doces, suculentos, delciosos. Quero uma colheraa do seu sorbet..
Bjs.

Anônimo disse...

ESTE CORAÇÃO DE MORANGOS VERMELHOS E SUCULENTOS, TRADUZEM TUDO QUE VC É PRA MIM............TE AMO,
ZAIDE

Carla disse...

"os morangos que comemos em Salvador vêm de outros estados"

Nao sabia que voce era de Salvador. Eu tambem sou.
Carla

Marcia disse...

Eu quero... As fotos estão lindas! Bjs