segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

Marché Adonis


Todo mundo me falava desse mercado libanês Adonis, que tinha as melhores carnes frescas da cidade, que tinha as melhores frutas e verduras (mesmo no inverno), que tinha requeijão cremoso igual ao nosso etc etc. Demorei a ir porque é muito fora do caminho, só de carro mesmo. Semana passada, aproveitando a carona de uns amigos, finalmente fomos lá.

Estava lotadaço, mas de cara deu para ver que é bom mesmo. E não só nos produtos do oriente médio, embora estes sejam o grande diferencial - tudo é bom e fresco. Uma seção só com conservas - azeitonas, cebolas, alcachofras enormes. Outra só com frutas secas. A parte de frutas e verduras frescas tinha os produtos mais bonitos que vi desde o mercado Jean Talon no verão. No fundo, o açougue só vende carne escolhida e encomendada diretamente ao açougueiro - nada de pacotes já prontos e embalados.


O que me surpreendeu mais, no entanto, foi a seção de doces e comidas prontas. Tudo feito na hora e exibido com um capricho sem igual. Bandejas douradas e ornadas com montanhas de baklavas e doces persas de dar água na boca. No outro balcão, kibes e esfihas de comer com os olhos (ainda bem que vendem quentinho para comer ali mesmo). Até os sorvetes são feitos na hora e os bolos embalados sob medida.

Docinhos persas

Kibe-heaven

Agora o lado ruim... apesar de tudo estar muito caprichosamente apresentado, o tal do "human relations" deixou a desejar. O açougueiro era tão ou mais mal-encarado que o soup nazi do Seinfeld, e os funcionários davam olhares mortais para você sair do caminho. O que me leva ao outro ponto negativo, que é a quantidade de gente. O mercado em si é pequeno demais para a multidão que estava ali, tudo bem que era um sábado, mas mal dava para enxergar o que estava nos balcões. Nem sei como eu consegui surrupiar essas fotos sem esbarrar em alguém e/ou ser presa.

Resumindo: muito bom, mas continuará sendo um evento esporádico para mim. Ou seja, só quando acabar meu estoque de suco de romã, ou quando eu tiver um desejo enorme de comer um baklava decente. No dia-a-dia, prefiro o mercadinho aqui perto de casa que é menor e onde, como aquele bar da música, todo mundo sabe meu nome.

Serviço: Marché Adonis - especialidades libanesas, carnes e frutas e verduras de primeira (mas não achamos o requeijão cremoso). 2001 rua Sauvé Ouest, Montréal.

7 comentários:

fezoca disse...

Uau, isso que eh mercado arabe!
O nosso, aqui em Davis, eh minusculo, as tambem, eu vivo numa small town... tudo nas suas devidas proporcoes, neh? ;-)

beijo,

Fabrícia disse...

Oi Lud.....
Adoro o Aonis...mas não suporto lotação.....isso me irrita um pouco lá...aquele bate-bate de carrinhos....mas vale a pena só para poder comer baklavas, deliciosos. Ah...quanto ao requeijão...tinha sim mas não tem mais faz uns 8 meses. Acho que não venderam bem....mas no depósito a Amira tem.....mei salgado o preço mas dá para matar as saudades. É dinamarquês!!!! Ah no Bonanza tb tinha...mas não tem mais. O creme de leite vc encontra no Bonanza, Adonis e no Amira.....são iguais ao brasileiro.
Bjcas para ti.

PS: adorei o copo de chá marroquino.....os meus não saem da mesa..... tunisianos é claro.

Camila Novais (ex-Facom) disse...

Oi, Ludmila,

Acompanho há bastante tempo seu blog e confesso que a minha curiosidade é menos culinária e mais sobre a cidade de Montréal para onde pretendo me mudar no próximo ano.

Bom, mercado longe e lotado? Fica com seu mercadinho próximo mesmo! ;o)

Beijo em você e em Lu.

Ludmila Carvalho disse...

Oi Camila, tudo bem? Luiz me falou que você estava pensando em vir para cá. Bem, sempre que saímos para jantar eu levo a câmera, e vou tentar colocar mais dicas e histórias de Montréal sempre que possível. Beijos, Lud

Ludmila Carvalho disse...

Oi Fabrícia, eu nem comia requeijão no Brasil com tanta frequência, mas procurei só por curiosidade e não encontrei. Não tinha ouvido falar no Bonanza nem no Amira, mas aqui no Chemin Cote-des-Neiges tem o Exo Fruits que tem também um pouco de tudo. Beijos e feliz ano novo, Lud

Agdah disse...

Menina, deu vontade de ir lá só pelo "quibe heaven"...

Odete disse...

Ola, eu sou chegada nesse tipo de mercado, e parece que o ponro comum deles eh sempre serem pequenos e superlotos. Tenho um aqui a poucas quadras da minha casa e apesar da muvuca eh o melhor lugar pra se comprar canes de origens confiaveis.
bjs p/ vc ,:-)