quinta-feira, 10 de janeiro de 2008

Mais sobre as sacolas ecológicas

Muito se discute atualmente (no mundo dos foodblogs e fora dele) sobre o terrível mal dos sacos de mercado de plástico, e sobre como é melhor, mais bacana e mais ecologicamente correto levar a sua própria sacola de lona re-utilizável. A esta altura, acho que já chegamos à conclusão de que de fato é melhor para todos: para os mercados que não precisam mais fazer circular o plástico; para o consumidor que faz algo bacana, se livra daquele montão de saco que não serve para nada e ainda posa de eco-friendly com sua sacolinha personalizada; para o resto do mundo que não liga a mínima para essa discussão (mas devia, pois dela também se beneficia).

Montreal é uma cidade eco-friendly na medida do possível (ainda não entendo essa mania de jogar móveis e eletrodomésticos quebrados na rua), embora alguns mercados não tenham ainda adotado a prática de cobrar pelas sacolas de plástico, como alguns mercados americanos e europeus fazem, para coibir seu uso. Os sacos de papel existem, embora tenhamos que pedir por eles, vemos campanhas na televisão incentivando o uso das sacolas de lona, e muitos mercados oferecem estas sacolas a preço de banana (comprei a minha no Metro por CAN$ 1,00), mas na boca do caixa ainda vemos a predominância das sacolas de plástico por aqui.

Para mim, a questão não foi tanto de migrar para a sacola de lona re-utilizável, coisa que não doeu nadinha nadinha, mas encontrar uma que me servisse bem. O problema é que eu não ando de carro e geralmente passo no mercado ou na feira depois da faculdade ou academia, de modo que não posso ter minha sacolona sempre à mão (a não ser que eu colocasse meus livros na sacola da feira, mas isso feriria até meus mais desleixados visuais). Encontrei a solução esta semana: trata-se de uma sacola de nylon bem resistente, mas totalmente maleável.

Dobrada - e a minha tem até um botãozinho para segurar tudo no lugar - ela fica menor que uma carteira. Cabe até no bolso.

Desdobrada ela fica num tamanho razoável, ideal para carregar a compra da semana. E ainda é bonitinha!

Já estou usando ela sem parar, e não somente no mercado: na loja, na locadora, pra que saco plástico minha gente? É bem verdade que ainda tenho que pedir (insistir, e de vez em quando brigar) para colocarem as compras na minha sacolinha, e às vezes quando eu olho já estão enfiando as coisas nos sacos plásticos, daí tenho que dar uma de chata e tirar tudo de novo. Mas é por uma boa causa, e sei que um dia todo mundo estará consciente disso. A minha sacola de nylon custou CAN$ 8,00 na Zone, e tinham milhares de outros modelos e cores lá para escolher.

3 comentários:

Anônimo disse...

QUERO UMA TB!!!TOMARA QUE ESSA MODA PEGUE AQUI NO BRASIL...
BJS,TATI.

Agdah disse...

Lud, como é mesmo o nome do seu gato???

pipoka disse...

Essa sacola ecológicas são um luxo. pena que aqui em Portugal não se encontrem. As que existem são muito feias e em materiais tipo nylon ou plástico!