segunda-feira, 9 de junho de 2008

Sorvete de nutella

Atenção chocólatras possuidores de máquina de sorvete: essa receita é para vocês!



Eu e minhas irmãs sempre fomos as maiores chocólatras do universo: quando éramos crianças/adolescentes e a preocupação com alimentação sequer existia, inventávamos mil e uma maneiras de saciar nosso vício. Mal havia saído das fraldas (exagero literário, viu gente!?!), eu já dominava a técnica de fazer brigadeiro na panela e no microondas, com destaque para o último porque era ainda mais rápido. Havia dias, porém, quando míseros dez minutos pareciam uma eternidade e o jeito era comer a mistura de brigadeiro crua mesmo, ou seja, leite condensado misturado com Nescau. E era uma delícia para tardes vendo sessão da tarde na TV ou fofocando com uma amiga.

Pois foi xeretando no blog Chocolate & Zucchini que encontrei essa receita de sorvete de nutella que muito me lembrou dessas épocas de começão de chocolate desesperada, típica receita de chocólatra necessitada de um quick fix. Trata-se, afinal de contas, de uma mera desculpa para comer nutella, apenas um passo acima de comê-lo de colher direto do pote. Para quem tem uma máquina de sorvete e anda passando uns dias de calor tropical, é uma boa pedida.

A receita, meus caros, é como aquela do brigadeiro cru, coisa de dois ingredientes: quantidades iguais de nutella e de leite evaporado, que é a versão não-doce do leite condensado (não recomendo usar o leite condensado porque o nutella já é doce demais e a mistura pode ficar intragável). Depois de misturar bem os dois ingredientes (o que pode ser feito na mão com um fouet ou no liquidificador), coloque a mistura na geladeira por algumas horas e depois na máquina de sorvete seguindo as instruções do fabricante.

Depois de algumas horas no congelador o seu "sorvete" deverá estar pronto. Entre aspas mesmo porque ele não fica com uma textura muito própria de sorvete (mas também, o que você queria? isso é apenas nutella com leite evaporado, portanto não reclame), fica parecendo mais uma mousse bem densa e gelada, e derrete com uma rapidez dez vezes maior do que sua máquina fotográfica é capaz de registrar (de novo, não reclame), mas o gosto é tudo aquilo que um chocólatra precisa em forma de sorvete.

8 comentários:

laila disse...

ludmila.. na~ç sei se foi o sorvete mas estavas inspirada...ficou dleicioso o post...e ainda mais as fotos...

mas sabe q andei procurando o leite evaporado e sumiu das prateleiras por aqui!!

bjs

Nana disse...

Também nunca vi leite evaporado no mercado.
My good!!!
Menina, eu colocaria a colher ai viu, fiquei com vontade.
bjs

Anônimo disse...

Eu bem sei o quanto chocólatras vcs eram......não tinha mais lugar onde esconder um chocolate que vcs não descobrissem.....
Mas, Lud, ainda é assim, sua irmã Tatiana, tem um faro incrível..... e agora, ainda tem o Kailu para completar .....
BEIJOS DA SUA MÃE QUE TE ADORA

Larissa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Larissa disse...

Lud e quem não tem a maquininha de sorvete? Aiaiai tudo bem, minha nutella tá no fim mesmo hehehe. Me deu uma vontade de pegar essa tacinha pra mim, huuum!!! Bjão, Lá =)

Bia Belliard disse...

que tentaçao !!! bj

Ludmila Carvalho disse...

Larissa, no Chocolate & Zucchini diz que é possível fazer esse sorvete sem a sorveteira, só que você tem que ficar tirando o sorvete do congelador e mexendo de 3 em 3 horas para evitar a formação de cristais de gelo. Mesmo assim, não sei se funciona nem se vale o trabalho...
Beijos
Lud

brisak disse...

Fiz ontem com leite evaporado e ficou muito, muito bom!!:)

Thanks:)

brisa